Segundo o Catecismo Católico, foi a Igreja mesma que formulou a doutrina do purgatório no Concílio de Florença (1439) e de Trento (1549-1563). Ela não existia na Igreja Primitiva. O historiador Jacques Le Goff diz que trata do além inventado pela Igreja para “a remissão de certos pecados, após a morte, iniciado com as orações pelos mortos e atos a favor dos defuntos”. Se já somos purificados pelo sangue de Jesus de todo pecado, de que serve essa doutrina? (1 João 1:7)

A Bíblia responde que não existe mais condenação para aqueles que estão em Cristo Jesus (Romanos 8:1).

Artigos Relacionados

Os Judeus do Tempo de Jesus Acreditavam em Reencarnação?
Existem alegações de que o historiador judeu Flávio Josefo (37-100 d.C.) disse que seu povo acreditava na reencarnação. Isso não é verdade...
A Igreja Mórmon É a Igreja Restaurada? A Igreja Mórmon É a Igreja Restaurada?
A doutrina mórmon sobre a igreja é um labirinto de confusão e contradição. De acordo com o ensinamento mórmon: “Quando Jesus Cristo viveu na...
A figueira estéril
  E, respondendo Jesus, disse-lhes: Cuidais vós que esses galileus foram mais pecadores do que todos os galileus, por terem padecido tais...
O bom pastor
  Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. . . . . . . ....  Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua...

Graça Maior - Édino Melo, . Disponível em: https://mail.gracamaior.com.br/estudos/ibsd-x-catolica/123-respostas-biblicas-para-o-catolicismo/crencas-catolicas/699-purgatorio.html. Acesso em 10 Dezembro 2018.
Envie suas perguntas

Console de depuração do Joomla!

Sessão

Informação do perfil

Memória Utilizada

Consultas ao banco