A Bíblia responde que há sete pontos que a respaldam a Escritura Sagrada:

  1. Autoridade divina (Mateus 4:4-10);
  2. Indestrutibilidade (Mateus 5:17-18);
  3. Infalibilidade (João 10:35);
  4. Supremacia absoluta (Mateus 15:3-6);
  5. Inerrância nos fatos (Mateus 22:29; João 17:17);
  6. Confiabilidade histórica (Mateus 12:40; Mateus 24:37-38),
  7. Precisão científica (Mateus 19:4-5João 3:12). 

Artigos Relacionados

Confissões Católicas sobre o Sábado e o Domingo Confissões Católicas sobre o Sábado e o Domingo
1) James Cardinal Gibbons, The Faith of our Fathers, 88. ed., p. 89. "Mas você pode ler a Bíblia de...
Adições de Ellen White à Bíblia Adições de Ellen White à Bíblia
Nota do Tradutor: No artigo anterior, Mais de 50 Contradições entre Ellen White e a Bíblia, dezenas...
Mais de 50 Contradições entre Ellen White e a Bíblia Mais de 50 Contradições entre Ellen White e a Bíblia
 Nota do Tradutor: Ellen G. White (1827-1915) é considerada uma profetisa divinamente inspirada pela...
Os Pais da Igreja e a Suficiência das Escrituras Os Pais da Igreja e a Suficiência das Escrituras
Um dos lemas fundamentais da Reforma Protestante foi o princípio “Sola Scriptura”, “Somente as...

Envie suas perguntas